madeira

A ideia deste trabalho é o aproveitamento e peças de madeiras de reciclagem, aliados à serragem e materiais que a natureza nos oferece com tanta generosidade !!!!

Seguidores

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Boneco Gingerbread e um pouco de sua lenda

Bonecos feitos com aproveitamento de serragem de madeira
e canela natural. O resultado é que parecem biscoitos de verdade
e o cheiro natural da canela é muito agradável !!!

  1. A primeira impressão da história do Gingerbread Man foi em de maio de 1875. O livro conta que uma mulher estava se queixando para o marido que queria ter um filho, porém sabia que eram ambos já velhos. A velhinha decidiu fazer um biscoito de gengibre, em formato de boneco, e colocou no forno para assar. Quando ela abriu o forno, o biscoito pulou da forma e saiu correndo pela janela aberta da cozinha. O casal correu atrás dele na esperança de comê-lo para saciar sua fome... "Corram! Corram! Corram o mais rápido que puderem! Vocês não podem me pegar! Eu sou o Gingerbread Man", gritou o biscoito. Enquanto corria, o Gingerbread Man encontrou um porco, uma vaca faminta, e um cavalo que também queriam devorá-lo... Gingerbread Man falou mais uma vez: "Corram! Corram! Corram o mais rápido que puderem! Vocês não podem me pegar! Eu sou o Gingerbread Man!". Então, o biscoito de gengibre percebeu que estava correndo em direção ao rio. "Oh, não! O rio! Agora eles vão conseguir me pegar! Como eu vou conseguir atravessar o rio?". Foi nesta hora que uma esperta raposa saiu de trás da árvore e se dispôs a ajudar o biscoito-homem a atravessar o rio. O biscoito pulou em seu rabo e lá se foram eles atravessando o rio. Quando estavam quase chegando à outra margem, a raposa pediu para ele pular no seu focinho para não afundar... Apesar do medo de ser comido pela raposa, Gingerbread Man pulou no focinho dela. Então, ela o jogou para o alto, com a intenção de agarrá-lo com a boca para matar a sua fome... E, diz a lenda: foi isso mesmo que aconteceu. Pobrezinho! Hoje somos nós que abocanhamos o Gingerbread Man!
  2. Durante muitos anos, na Idade Média, o gengibre, ingrediente essencial na receita do pão de mel e posteriormente do biscoito, era uma especiaria difícil de se encontrar.Depois das Cruzadas, o comercio entre o Ocidente e o Oriente se abriu e várias especiarias, entre elas, o gengibre, conquistaram território na gastronomia européia. Inicialmente essa especiaria conquistou a cozinha do clero. Foram os religiosos que tiveram a idéia de fazer biscoitos com gengibre para celebrar as festas do inverno. E, dando continuidade a essa tradição, a Rainha Elizabeth I, da Inglaterra, mandava fazer homenzinhos de biscoito de mel e gengibre com a cara de seus convidados para suas festas de Natal.
  3. (texto retirado da net)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...